Investigação

Garmin Tempo em Movimento vs Tempo Decorrido

Relógio Garmin: Tempo em Movimento vs Tempo Decorrido

Há mais de ano que escrevi, neste espaço, um longo artigo sobre os relógios GPS. No referido texto, abordei, sobretudo, o seu modo de funcionamento respeitante ao cálculo da distância percorrida num treino, prova, etc. Uma explicação que permite entender o porquê de, por exemplo, no final de uma prova, a distância total percorrida ser diferente, entre os equipamentos GPS… Ler Artigo »Relógio Garmin: Tempo em Movimento vs Tempo Decorrido

falta ferro organismo atleta

Quando ferro ou magnésio escasseiam no organismo (relato)

Não deixa de ser curioso que, há bem pouco tempo, falava com amigos sobre este assunto. Isto é, da maneira como regulo, sem regra e esquadro (entenda-se: uso de apps), a minha ingestão de macronutrientes (proteínas, hidratos de carbono, fibras, gorduras, àgua), sem que isso me cause qualquer problema (pelo menos visível) no organismo. Uma sensibilidade que se ganha com… Ler Artigo »Quando ferro ou magnésio escasseiam no organismo (relato)

Está decidido: vou treinar para Marte!

Está decidido: vou treinar para Marte!

Com os atletas africanos a dominarem por completo o atletismo do meio-fundo e fundo internacional, muito se tem apregoado que, sendo eles também humanos, a sua grande vantagem reside no facto de viverem e treinarem em altitude. Mas o que quer isto realmente dizer? Porque é uma vantagem estar em altitude? A explicação “mais vendida” sempre foi que, devido a… Ler Artigo »Está decidido: vou treinar para Marte!

correr meia maratona negative split

Deves correr a meia-maratona em negative split? Eu devo!

Há alguns meses atrás, tive a curiosidade de analisar as minhas provas de 10K e respectivas passagens em pontos cronometrados. Na altura, estava quase convencido de que as corria em negative split, o que não se comprovou. Nessa mesma altura, reuni a mesma informação para a distância da meia-maratona, precisamente com este artigo em mente. Depois da surpresa nos 10K,… Ler Artigo »Deves correr a meia-maratona em negative split? Eu devo!

leitura do ritmo cardíaco na banda e no relógio de pulso

Como é feita a leitura do ritmo cardíaco na banda e no relógio de pulso?

Desde há vários anos para cá que o monitor de ritmo cardíaco para a actividade física se tornou um acessório relativamente acessível ao atleta comum. Primeiro, por intermédio das famosas bandas de peito. Mais tarde, através da incorporação dos sensores nos relógios de pulso desportivos, com vista a tornar tudo mais práctico, não apenas do ponto de vista do exercício,… Ler Artigo »Como é feita a leitura do ritmo cardíaco na banda e no relógio de pulso?

treino anaeróbico em função do stress

Gerir o treino anaeróbico em função do stress diário!

O mistério em relação aos desempenhos inesperados que por vezes temos (sejam eles negativos ou positivos) vai sempre existir. Nem que seja numa percentagem muito reduzida, mas haverá sempre ponta de dúvida sobre a nossa avaliação ser correcta. Este ano, após completar a Maratona de Sevilha, reflecti sobre o meu fraco desempenho e apontei o dedo ao stress! Hoje, devido… Ler Artigo »Gerir o treino anaeróbico em função do stress diário!

Experiência Treino Subidas Arthur Lydiard

Nas pegadas de Arthur Lydiard – Fim da Fase 2

Como anunciado no artigo da apresentação desta fase 2 do plano de Arthur Lydiard, com a chegada do COVID-19 havia o risco desta rubrica entrar em hiato indefinidamente. Assim vai ser, uma vez que este meu plano esteve interrompido demasiado tempo. O risco de tirar conclusões enviesadas sobre as próximas fases desta metodologia (e no seu todo!) seria bastante grande,… Ler Artigo »Nas pegadas de Arthur Lydiard – Fim da Fase 2

Arthur Lydiard - Fase 2 Plano de Treino

Nas pegadas de Arthur Lydiard – Técnica e Fortalecimento (Fase 2)

Concluída a primeira parte do plano de treinos de Arthur Lydiard, entrei recentemente na segunda fase dos trabalhos. Isto após “rolar” tranquilamente, durante 2 semanas, a fim de recuperar um pouco do esforço da maratona. Esta segunda fase existe para o atleta fazer uma transição controlada entre a fase anterior, dedicada a evoluir a sua capacidade aeróbica, e a fase… Ler Artigo »Nas pegadas de Arthur Lydiard – Técnica e Fortalecimento (Fase 2)

Resultados Fase 1 Treino Arthur Lydiard

Rumo aos 160K segundo Arthur Lydiard – Fim da Fase 1

A participação na edição 2020 da Maratona de Sevilha pôs um ponto final na primeira fase do meu actual plano de treinos. Ainda que o resultado na maratona não tenha sido o desejado, nada mudou. O plano previamente elaborado mantém-se e, após estes dias de recuperação da distância mítica, dentro de pouco tempo avançarei para a segunda fase do plano… Ler Artigo »Rumo aos 160K segundo Arthur Lydiard – Fim da Fase 1

correr 10 quilómetros em negative split

Correr 10 quilómetros em negative split? Chumbei no teste!

Que diabo! Confesso que ainda estou um pouco atarantado com a minha descoberta de ontem. Um achado que resultou das minhas análises mais recentes aos meus desempenhos (e consequentes resultados!), em dias de prova que ambicionava um recorde pessoal (RP). Coloquei a maratona de lado, e debrucei-me sobre as distâncias da meia-maratona e dos 10K. De um modo geral, procurava… Ler Artigo »Correr 10 quilómetros em negative split? Chumbei no teste!

140 quilómetros semanais segundo Arthur Lydiard

Rumo aos 160K segundo Arthur Lydiard: Um novo máximo! (Parte 5)

O meu primeiro artigo de 2020 corresponde a uma nova atualização do plano de treino que tenho posto em prática. Como disse no início de dezembro passado, seria difícil estabelecer um novo máximo de quilómetros ainda em 2019 tendo em conta os desafios competitivos que se aproximavam e que me iriam obrigar a abrandar nos treinos aeróbicos ativos. Amigos, a… Ler Artigo »Rumo aos 160K segundo Arthur Lydiard: Um novo máximo! (Parte 5)

GP Atletismo Murtosa 2019

Rumo aos 160K segundo Arthur Lydiard: GP Atletismo Murtosa (Parte 4)

Passou, sensivelmente, mais um mês desde a minha última atualização a esta aventura de trabalho sério. Enquanto o Grande Prémio de Atletismo da Murtosa deu a entender que estou no caminho certo, pelo meio foi estabelecido um novo tecto máximo de quilómetros semanais. Por outro lado, a Maratona de Sevilha aproxima-se a passos largos, ganhando força a convicção de, até… Ler Artigo »Rumo aos 160K segundo Arthur Lydiard: GP Atletismo Murtosa (Parte 4)

Maratona Sparkasse 3 Países - Sparkasse 3-Lander-Marathon

Maratona Sparkasse – Correr por 3 países numa só prova!

A grande diversidade de provas que o atletismo de estrada engloba ainda não se tornou um limitador da inovação. Seja de um modo mais agressivo e original, seja aproveitando as caraterísticas de cada região do nosso planeta, continuam a aparecer ideias novas, enquanto outras raras e mais antigas são preservadas. Há dias, fiquei agradavelmente surpreendido quando descobri a prova transfronteiriça… Ler Artigo »Maratona Sparkasse – Correr por 3 países numa só prova!

Rumo aos 160K segundo Arthur Lydiard: Parte 3

Rumo aos 160K segundo Arthur Lydiard: Parte 3

Este terceiro artigo da rubrica “Nas  pegadas de Arthur Lydiard – Rumo aos 160K” assinala um momento de reflexão muito importante sobre a jornada. Ultrapassada a placa dos 125K semanais, que fazer? Continuar a subir no patamar dos quilómetros? Intensificar os ritmos de treino? Ou progredir em ambas as situações? As respostas chegam no final deste artigo, com base nas… Ler Artigo »Rumo aos 160K segundo Arthur Lydiard: Parte 3

evolução da vara no salto com vara

Antes do atletismo de estrada, a fibra de carbono mudou o salto com vara!

A minha entrada no atletismo levou-me a dar mais atenção aos principais eventos mundiais ligados a este desporto. Foi assim que comecei a acompanhar algumas disciplinas mais técnicas. Até agora, enquanto espectador, o salto com vara foi o que mais me despertou interesse. Os varistas, com a ajuda do público, conseguem criar um ambiente fantástico em torno da competição. Ao… Ler Artigo »Antes do atletismo de estrada, a fibra de carbono mudou o salto com vara!